Pular para conteúdo 
Зеленый кофе

O autor

Carlos Eduardo de Souza, Front-End Developer & Interface Designer na Coopers Digital Production, dedica seu tempo para o desenvolvimento de uma Web mais acessível. Possui certificado W3C em Mobile (sites e web apps) e HTML5.

Portfolio e blog sobre Web Standards – project.47, de Carlos Eduardo de Souza

Blog

Topo 07/09/06

E na hora de atender um cliente?

É pessoal, esse assunto dos Web Standards, ou seja, os padrőes que devemos adotar em nossos sites para torná-los mais acessíveis e, conseqüentemente, aumentar a possibilidade de possíveis clientes para a empresa da qual estamos fazendo o site, é muito importante.

Mas temos que ter em mente uma coisa: se não soubermos atender o cliente da maneira correta e nos planejarmos para isso, todo esse papo de “Web Sites feitos corretamente” vai por água a baixo. Então vou passar umas dicas para se realizar um bom briefing e seus conceitos aprendidos na matéria de Metodologia de Projeto, no curso que faço atualmente na UTFPR.

Para quem ainda não sabe, o briefing é apenas uma fase de um trabalho como um todo, consistindo resumidamente, na descrição do projeto que se pretende desenvolver, ou seja, o conceito que se deseja passar através do produto/projeto desenvolvido.

Mas, para fazer isso, é necessário um estudo do cliente atendido, sua história, seguimento do mercado atendido, perfil, imagem que se deseja passar através de seu Site que, nada mais é do que um tipo de mídia para divulgar sua imagem, porém com um alcance muito maior e, claro, possui suas peculiaridades, como uma possível maior interação com seus clientes, etc.

Voltando ao conceito de briefing, é nele que definimos os limites e restriçőes, ou seja, as possibilidades oferecidas pelo projeto em desenvolvimento. É um elemento-chave para alcançar o resultado final desejado, tanto pelo cliente quanto pelo desenvolvedor.

Esse processo todo se inclui na fase conceitual do trabalho e, depois do briefing é que se pode passar para a fase projetual, com geração de alternativas, o projeto em si e, por último, a análise da solução proposta.

Isso tudo que foi passado é utilizado em qualquer trabalho que for realizado, pelo menos na área do Design, não necessariamente tratando-se de Sites. Foquei apenas no briefing, mas planejo escrever mais sobre como se deve realizar um projeto como um todo, desde seu início até sua apresentação final ao cliente.

Assuntos: Geral, Web Design
Trackback Feed deste artigo

6 comentários para "E na hora de atender um cliente?"

  1. Pedro Rogério | 7/09/06 - 4:29 pm

    Seria legal se vocę fizesse um guia assim, de como desenvolver um projeto. Abraços!!!

    Topo
  2. André Valongueiro | 9/09/06 - 4:06 am

    Seria interessante propor algumas questőes fundamentais que devam ser respondidas através do briefing. Listar algumas perguntas a serem feitas ao(s) cliente(s) e descrever em que ponto essas respostas seriam úteis durante o desenrolar do projeto.

    Grande abraço!

    Topo
  3. Joares | 12/09/06 - 11:02 am

    Essa é a grande dificuldade de quem está iniciando um projeto.. . de muitas vezes não saber lidar com o cliente…

    Não fazer um estudo acerca do que se irá propor e muitas vezes, ao invés de tomar o controle de toda a situação… é deixado lacunas que lá na frente, com certeza irá gerar muita dor de kbça!

    Topo
  4. Eugenio Grigolon | 12/09/06 - 5:17 pm

    Isso é crucial antes de qualquer projeto. Estou aprendendo essa parte também na faculdade, o DFD e algumas técnicas em POO (que estou curtindo muito). Tendo isso em mãos, seus padrőes ficam ainda mais perfeitos.

    Ótima abordagem do assunto Carlos. Parabéns!

    Topo
  5. Laura | 29/12/07 - 1:43 pm

    Seria legal se vc criasse um modelo de briefing.
    Muita gente acha que é ruim seguir modelos, mais para os iniciantes, até que ajuda, para dar uma idéia geral, né ?

    Topo
  6. Darcy Leite | 18/07/08 - 12:56 pm

    Poderia postar um modelo básico para elaborar um briefing! Obrigfada

    Topo
Comente este artigo
  1. (obrigatório)
  2. (obrigatório)

Links Randômicos
Meta
Apoio
Créditos
Creative Commons