Pular para conteúdo 
Зеленый кофе

O autor

Carlos Eduardo de Souza, Front-End Developer & Interface Designer na Coopers Digital Production, dedica seu tempo para o desenvolvimento de uma Web mais acessível. Possui certificado W3C em Mobile (sites e web apps) e HTML5.

Portfolio e blog sobre Web Standards – project.47, de Carlos Eduardo de Souza

Blog

Topo 16/08/07

Está havendo crise nos Web Standards?

Há uma movimentação na “comunidade” dos [tag]Web Standards[/tag] sobre uma possível crise na qual poderíamos estar passando. Verdadeiros ícones do movimento como Molly E. Holzschlag vem falando sobre falhas que estão acontecendo na W3C, por exemplo, devido a sua “paralização” durante um tempo, sem apresentar muitas novidades e definiçőes acerca do HTML 5, XHTML 2, etc. Claro, podemos reparar que há divergęncias dentro da própria W3C, mas não podemos nos esquecer que há muita política envolvida na organização.

Ao meu ver, não estamos passando por uma crise. Concordo com Zeldman no ponto em que este tempo sem maiores novidades está sendo benéfico; se analisarmos o lado de que os responsáveis pelos browsers estão tendo mais tempo para se adequar aos Padrőes e os próprios desenvolvedores em conhecer, aprender a gostar e aprimorar suas técnicas, isso pode ser bastante positivo.

Muito ainda pode ser feito, seja na utilização de novas tags no código que se adeqüem a nova realidade da internet, ŕs novas necessidades que surgiram com o tempo, além de implementaçőes no próprio CSS 3 que ainda vem engatinhando e, com certeza, ainda vai demorar muito para poder ser utilizado sem maiores preocupaçőes e cautela.

Mas a comunidade vem fazendo a sua parte. É só darmos uma olhada nos Microformats, uma forma de padronizar classes em elementos, a fim de adicionar significado ao código, contribuindo para a semântica e abrindo um leque de possibilidades para a Internet como um todo, facilitando a organização do conteúdo e, conseqüentemente, a forma de encontrá-lo.

Estou curioso para ver no que esta discussão toda vai dar, mas acho isso muito positivo, pois mostra que estamos amadurecendo e sempre precisamos estar atentos ŕs novidades e, certamente, ŕs falhas que necessitam ser corrigidas.

Assuntos: Web Standards
Trackback Feed deste artigo

4 comentários para "Está havendo crise nos Web Standards?"

  1. José | 27/08/07 - 10:40 pm

    Na minha opinião Webstandards nunca serão algo comercial por dois motivos:

    1 – A Microsoft não está nem ai, ignora completamente sua existęncia.

    2 – É algo totalmente utópico, e as únicas pessoas que a divulgam, são fãs. Em nenhum site conceituado de TI se fala em Webstandards.

    Topo
  2. Micox | 28/08/07 - 5:21 pm

    José não sei que sites de TI vocę frequenta, mas aqui no Brasil pelo menos temos grandes exemplos de sites de TI que já nem falam mais em webstandards de tão básico que o assunto já ficou.
    Exemplos: imasters e webinsider.
    Vocę acha estes 2 sites pequenos? Bem eles já falaram sobre e implantaram os padrőes web em seus portais. Veja os sites deles e veja que não é utópico.

    Não há mais necessidade de divulgar os padrőes web.
    Todo desenvolvedor que se preze já as conhece. :)

    Sobre a Microsoft não sei se vocę já sabe que ela vem perdendo mercado dia a dia. Em todos seus produtos relacionados a Web (navegador, sites, etc). Vocę ainda pretende segui-la?

    Topo
  3. José | 30/08/07 - 3:54 am

    Daqui 2 anos vocę vai lembrar deste post.

    iMaster e Webinsider são sites pra desenvolvedores “freelancers”, que fazem sites.

    O mundo corporativo, de grandes empresas optam por soluçőes Microsoft e também não se fala em Webstandards.

    Pra mim ainda vejo como algo Utópico, como linux, PHP,… assuntos que são mencionados e discutidos por desenvolvedores…. não por diretores e empresários que são quem decide o que vai ser utilizado.

    A microsoft derrubou a Apple, Netscape, o icq (que era líder incontestável)… agora que está entrando no mercado de propaganda online, aposto que em 2 anos derruba o google.

    Guarda este post com carinho… vocę vai lembrar dele…

    Topo
  4. Carlos Eduardo de Souza | 30/08/07 - 10:43 am

    Eu já não concordo com vocę, José.

    O maior cliente da agęncia na qual trabalho é o HSBC e um dos pré-requisitos para os sites que desenvolvemos é a utilização dos Web Standards no momento que estamos desenvolvendo-os.

    Acho que vocę está equivocado ao afirmar que os Padrőes são algo utópico, sendo que eles estão aí há vários anos, mas só ŕ partir de um tempo pra cá que eles são divulgados, mas não é algo inventado recentemente ou “moda” do momento… É realidade, se trata de cultura, de inteligęncia por parte do desenvolvedor fazer seu trabalho dessa forma.

    Topo
Comente este artigo
  1. (obrigatório)
  2. (obrigatório)

Links Randômicos
Meta
Apoio
Créditos
Creative Commons